segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Moranguete


Época de morango é uma maravilha, mas ele sozinho já não tem tanta graça, então por que não incrementá-lo com duas das maiores invenções gastronômicas de todos os tempos: leite condensado e chocolate!!!

Ingredientes (para 16 morangos médios): 
Brigadeiro branco:
1 lata de leite condensado
1 colher sobremesa de manteiga sem sal
Cobertura:
400 g de chocolate hidrogenado (claro que o outro é muito melhor, então se quiser fazer a temperagem fique à vontade)


Modo de preparo:
Lave bem os morangos e tire os cabinhos sem cortar as pontas para que ele dure mais tempo. Enxugue com papel toalha para que toda a umidade saia. Cozinhe o brigadeiro branco para até o ponto de enrolar, ou seja, até que desgrude do fundo da panela. Deixe esfriar bem. Derreta o chocolate hidrogenado no microondas na potência média por uns 2 minutos (cuidado para não queimar o chocolate). Faça bolinhas do brigadeiro já frio e abra cada uma delas com as pontas dos dedos até formar uma mini pizza (se começar a grudar nas mãos, use um pouco de açúcar de confeiteiro nas pontas dos dedos, como se fosse 'enfarinhar a massa'). Disponha um morango no centro da massa e enrole-os. Banhe no chocolate derretido e disponha sobre uma folha de papel manteiga até secar. Coloque em forminhas de papel, ou arrume em uma caixinha e guarde na geladeira por até 2 dias (se durar tudo isso...).

sábado, 28 de julho de 2012

Torta de Limão


Adoro sobremesas cítricas, ainda mais quando é tão fácil de fazer, que a vontade de comer um doce azedinho passa rapidinho...
Esta torta de limão qualquer um faz com ingredientes que a maioria das pessoas têm na despensa. Sabe aquele parente que avisa que está chegando? Então, dá até tempo de preparar a sobremesa.

Ingredientes:
Patê Sablée (aquela que derrete na boca): 
1 e 1/2 xícara de farinha de trigo peneirada
150g de manteiga gelada cortada em cubinhos
1/2 xícara de açúcar de confeiteiro
1/8 colher (chá) de sal
1 ovo batido
1 colher (sopa) de raspas de limão

Creme:
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite sem soro
suco de 2 limões Tahiti
suco de 1 limão siciliano
2 colheres (sopa) de raspas dos 2 tipos de limão

Modo de preparo: 
Massa: Misture os ingredientes secos e adicione a manteiga picada, mexendo com as pontas dos dedos até virar uma farofa úmida. Adicione o ovo batido e as raspas de limão e mexa até que todos os ingredientes estejam bem misturados. Abra a massa em uma forma de fundo removível e leve para gelar por uns 30 minutos. Depois deste tempo, asse a massa a 200oC até que comece a dourar. Retire e espere esfriar.
Creme (mais simples impossível): Bata com um fouet todos os ingredientes. Perceba que o limão vai engrossar o creme, então só pare de misturar quando chegar em uma consistência de mousse. Despeje por cima da massa, distribua as raspas dos limões por cima e leve para gelar por 1 hora antes de servir.

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Pão de forma integral com Chia e Linhaça


De vez em quando bate uma onda 'natureba' em mim. Mas a verdade é que estou enjoada dos tradicionais pães de supermercado, e por mais que eu varie na marca ou nos sabores, parece que é tudo muito igual. Aí, passeando por entre meus blogs preferidos, encontrei essa receita que me pareceu apetitosa, e acabei adaptando com alguns grãos que eu tinha em casa. O resultado: um pão delicioso, macio, saudável, e super fácil de fazer. De manhã eu simplesmente corto fatias e coloco na torradeira, com a manteiguinha derretendo por cima, uma fatia de queijo fresco, geléia, hummmmm, ou até mesmo pra fazer um 'sanduba' natural!!!!

Ingredientes (para 1 pão de forma)(adaptado daqui):
1 xícara de leite integral morno
10g de fermento biológico seco
1 colher (chá) de mel
1 ovo
3 colheres (sopa) de manteiga derretida
1/2 colher (chá) de sal
2 xícaras de farinha de trigo
1/2 xícara de farinha de trigo integral
1/2 xícara de aveia em flocos
1/4 xícara de chia
1/4 xícara de linhaça (usei a dourada)



Modo de preparo:
Em um bowl dissolva o fermento e o mel no leite morno. Bata ligeiramente um ovo e misture com a manteiga derretida, acrescentando ao fermento logo em seguida. Misture todos os secos e vá acrescentando aos poucos à mistura líquida até incorporar bem. Coloque essa massa em uma bancada limpa e seca, porém sem acrescentar mais nenhuma farinha. Vá sovando delicadamente até perceber que a massa se tornou bem uniforme, macia, e parou de grudar nas mãos (uns 10 minutos). Volte essa massa para o bowl, cubra com um pano seco e limpo e espere dobrar de volume (aproximadamente 1 hora). Abra delicadamente a massa, sem deixar sair todo o ar, na bancada limpa e seca e enrole o pão como se fosse fazer um rocambole. Arrume as laterais para que a massa fique do tamanho de sua forma para pães e já deixe ela pronta para assar. Espere ela crescer mais uma vez e asse em forno preaquecido a 190oC por aproximadamente 45 minutos, ou veja a superfície ficar douradinha. Outro segredo é bater na casquinha do pão e ver se faz um barulho 'oco'; se não fizer espere mais um pouco dentro do forno.

terça-feira, 19 de junho de 2012

O Primeiro Bolo de Cenoura



Acredito que a grande maioria das pessoas não se esquece da primeira vez que fez alguma coisa, qualquer coisa que seja. Este post é dedicado ao primeiro bolo de cenoura da minha filha, aliás, à primeira vez que minha filha faz uma receita do começo ao fim, sozinha, sem me deixar ajudar em nada (só liguei o forno). Posso dizer que só o gostinho de ver aquela coisa pequena de 9 anos se achando a maior 'gourmet' do século, já valeu mais do que o próprio bolo. Mas falando do bolo, é aquela boa e velha receita de sempre, e acredito que cada um tem o seu próprio segredinho, mas deixo aqui registrada a minha (ou da minha filha).

Ingredientes:
3 cenouras médias descascadas e cortadas
3 ovos
3/4 xícara de óleo de canola
1/4 xícara de água
3 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
1 colher (sopa) de fermento químico

Modo de preparo:
Unte com manteiga e farinha uma forma para pudim. Preaqueça o forno a 200oC. No liquidificador, bata bem por uns 3 minutos as cenouras, os ovos, a água e o óleo. Peneire todos os ingredientes secos em um bowl e acrescente a mistura do liquidificador, misturando bem, porém delicadamente, até que todos os ingredientes estejam bem unidos. Despeje na forma e leve ao forno para assar por aproximadamente 40 min, ou até que espetando um palito no meio, este saia limpo.

Cobertura:
Ela quis derreter chocolate picado e misturar com creme de leite (ganache), então pegou uma caixinha de creme de leite e aqueceu no microondas por 1 minuto. Picou uma barra da 170g de chocolate ao leite e misturou ao creme de leite quente até derreter tudo.

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Brownie Bit Size

Falha minha: não separei nenhum para  a foto.... Foi tudo embora na mesma velocidade em que foi feito....

Bit Size = Uma mordida, ou um bocado
...mas no caso deste brownie são vários bocados, pois é impossível comer um só. Massa densa de chocolate, molhadinha, e com uma surpresa no centro: um Kisses inteiro de chocolate amargo, bem derretido que faz o brownie ficar ainda mais suculento hummmmmmm!!! Sem mais palavras...

Ingredientes:
1 xícara de açúcar mascavo
1/2 xícara de farinha de trigo
2 ovos
1 colher (chá) de extrato de baunilha
1/4 de xícara de manteiga derretida
1/2 xícara de chocolate em pó
1/2 xícara de amêndoas em lascas (ou moída)
Kisses (ou cubinhos de chocolate amargo)


Modo de preparo:
Misture todos os ingredientes com uma colher na mesma ordem em que estão colocados acima. Misture até que a massa esteja bem igualada, e pode parar, pois quanto mais você mexe um brownie, menos cremoso ele pode ficar, pois o glúten se desenvolve, e não queremos um bolo fofo, mas bem denso. Distribua pequenas porções de massa em forminhas individuais (usei uma própria para brownie, de silicone da Wilton), ou se quiser ele inteiro, asse em uma assadeira de 20cm, untada e polvilhada de chocolate em pó. Disponha os Kisses por cima, ou o chocolate picado e asse em forno preaquecido a 200oC por no máximo 20 minutos. A superfície ainda deve estar brilhante. Espere esfriar e desenforme, e devore...

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Bolo de Milho sem Glúten


Eu tenho esta receita já faz algum tempo, escrita em um canto de uma revista velha, por isso me perdoem, mas não tenho a mínima ideia de onde tirei. Sei que é um bolo bem simples de ser feito, mas saboroso, molhadinho e perfeito para acompanhar uma xícara de café.

Ingredientes:
1 lata de milho escorrido
1 xícara de fubá pré cozido
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de óleo de canola
3 ovos
1 colher (sopa) de fermento químico


Modo de preparo:
Mais simples impossível: Unte uma assadeira pequena com manteiga e fubá. Bata todos os ingredientes no liquidificador e despeje na assadeira. Asse em forno preaquecido a 200oC por uns 40 minutos.

terça-feira, 5 de junho de 2012

Pizza Caseira


Ainda não conheço quem não goste de uma boa pizza. Ainda mais se for caseira, feita com ingredientes selecionados  só por você, com a quantidade de recheio que você quer, e com a massa no ponto que você deseja, e ainda ter o orgulho de falar para todos (depois dos 'hummmm'...): FUI EU QUEM FIZ!.
Esta receita de massa não tem erro, serve dois discos grandes de 8 fatias cada, e o recheio fica por sua conta. Feriadão está aí, prepare antecipado alguns discos de pizza e chame os amigos ou a família para uma sessão 'pizzada'.

Ingredientes:
3 e 3/4 xícaras de farinha de trigo
10g de fermento biológico seco
1/4 colher (chá) de açúcar
1 colher (chá) de sal
1/4 xícara de azeite
350 ml de água morna
1/4 xícara de chia (acrescentei estas sementinhas por conta própria, para colocar um pouco de fibra, mas não é necessário)
1/4 xícara de fubá


Modo de preparo:
Misture a farinha com o sal, o açúcar e fermento. Acrescente a água e o azeite e misture tudo com o gancho da batedeira (ou faça isso na mão mesmo). Transfira a massa para uma bancada limpa e seca e comece a sovar a massa até que fique bem lisinha, porém não acrescente mais farinha nenhuma, pois a massa vai ganhar elasticidade e deixar de grudar naturalmente. Volte a massa sovada para um 'bowl' e cubra com um pano. Esqueça lá até que dobre de volume. Afunde a massa com o punho e divida em dois. Jogue um pouco de fubá na bancada e abra a massa com um rolo de macarrão. Transfira para a assadeira e polvilhe um pouco mais de fubá por cima. Distribua o molho de sua preferência e recheie como quiser.

domingo, 20 de maio de 2012

Sorvete de Doce de Leite com Ameixa


Esta é uma daquelas receitas eternas, que você pode fazer em qualquer ocasião, com qualquer sabor, e sempre será um sucesso. Fácil e rápida, sem a necessidade de uma sorveteira, ou de ficar tirando o sorvete do freezer para bater a cada 5 horas.... não tenho paciência...
A primeira vez que fiz foi com pedaços de brigadeiro mole. Desta vez eu quis agradar meu pai, mineirinho, louco por doce de leite, e encrementei colocando ameixas secas picadas no meio da massa. Não preciso dizer mais nada.... Teste seus sabores preferidos, faça uma geléia de frutas vermelhas, ou macadâmias carameladas, invente, e depois passa por aqui pra me contar...

Ingredientes (rendeu um pote com quase 2 litros):
500ml de creme de leite fresco
1 xícara de doce de leite (um bem bom tá?)
1 xícara de ameixas secas picadas
mais uma xicara de doce de leite para deixar os pedaços na massa

Modo de preparo:
Bata o creme de leite fresco, bem geladinho, até começar a engrossar. Depeje o doce de leite e bata mais um pouco para incorporar à massa, e esta ficar bem douradinha. Desligue a batedeira e misture com uma espátula a ameixa seca. Coloque uma porção da massa no recipiente em que você vai congelar, e por cima coloque algumas colheradas do doce de leite separado. Intercale as camadas de sorvete e de doce de leite, acabando com umas boas colheradas do doce de leite. Se quiser misture com um garfo delicadamente, formando 'riozinhos' dourados no meio da massa. Deixe gelar por no mínimo umas 3 horas e sirva.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Bolo Nhá Benta

a foto do último pedaço sobrevivente....

Estou sempre em busca de fotos deliciosas, daquelas que comemos com os olhos. Esta foto aqui foi uma daquelas que eu não sosseguei até tentar fazer igual, além do mais Nhá Benta é um daqueles doces que eu poderia comer todos os dias, bem lentamente, sujando os dedos sem vergonha... A receita do marshmallow eu usei da 'tia Martha', mas o restante foi daqui:


Ingredientes do Bolo (rende uns 12 pedaços):
4 ovos (gemas e claras em neve separadas)
1 e 1/2 xícaras de açúcar
1 xícara de margarina
1/2 xícara de chocolate em pó
1 xícara de leite
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó

Ingredientes do Marshmallow:
3 claras
1 e 1/4 xícaras de açúcar
1/2 xícara de água
1/2 colher (chá) de cremor tártaro
1 colher (chá) de extrato de baunilha

Ingredientes da cobertura:
200g de chocolate ao leite
100g de chocolate meio amargo
1 lata de creme de leite sem soro

Modo de preparo:
Bolo: Bata as gemas com o açúcar até branquear e adicione depois a margarina em temperatura ambiente e o chocolate em pó. Junte o leite, a farinha e o fermento peneirados. Mexa delicadamente e acrescente as claras em neve, mexendo até incorporar bem. Unte uma assadeira redonda de 24cm de diâmetro. Asse em forno pré-aquecido a 200oC por aproximadamente 30 minutos ou até que, espetando um palito, este saia limpo.
Marshmallow: Neste processo o melhor é utilizar uma batedeira de mão ou então fazer tudo no braço, com um fouet. Comece misturando todos os ingredientes na batedeira até espumar. Leve então a mistura em um recipiente de vidro ou resistente ao calor para aquecer em banho maria. Bata até a mistura ficar morna ao toque. Retire e volte a bater na batedeira até atingir o ponto de marshmallow, o que pode levar de 10 a 15 minutos.
Cobertura: Pique os chocolates em pequenos pedaços. Aqueça o creme de leite, sem deixar ferver, e coloque o chocolate picado mexendo até derreter tudo.
Montagem: Desenforme o bolo e abra uma tampa deixando uma beirada de 1cm. Retire a tampa com cuidado para não desmontar e cave o bolo com uma colher até deixar 1cm no fundo (este farelo de bolo você pode guardar e fazer cobertura de sorvete, cake pop etc.). Recheie a cavidade do bolo com o marshmallow e cubra com a tampa do bolo. Cubra com filme plástico e leve para geladeira por 2 horas. Tire o filme plástico e cubra com a cobertura de chocolate.





domingo, 6 de maio de 2012

Sobre Empanados...



Não sou fã de fritura! O litro de óleo em casa dura um mês.... Então quando resolvo fazer algum tipo de fritura, é bom que ela não fique encharcada de óleo, e que fique bem sequinha. Comprei uns filés de tilápia Saint Peter, que eu adoro, e resolvi empanar da mesma forma que empano frango e legumes. Ficou muito melhor do que o tradicional empanado só na farinha, então fica a dica. A 'misturinha' eu faço para empanar berinjela, abobrinha, frango, couve flor, enfim, serve para qualquer alimento.


Ingredientes (para 1 kg de peixe):
1 xícara de farinha de trigo
1 colher (chá) de Ajinomoto
2 ovos
2 colheres (sopa) de leite
1 xícara de farinha de rosca


Modo de preparo:
Separe três recipientes sendo: 1 para a mistura de farinha de trigo com o Ajinomoto misturados;
1 para os ovos batidos com o leite; 1 para a farinha de rosca. Tempere o peixe (ou o que estiver empanando) ao seu gosto. Passe primeiro na farinha de trigo, depois na mistra de ovo e depois na farinha de rosca. Frite em óleo não muito quente até começar a dourar. Escorra em papel absorvente e 'voilà', está pronto um empanado bem crocante e sequinho, sem sabor de óleo.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Bombocado


...ou melhor dizendo: Bombocadinho!
Dia de organizar gavetas, separar papéis, jogar fora contas pagas de 5 anos atrás, enfim, alguns achados no meio da bagunça sempre aparecem. Foi assim com esta receita, escrita a mão (provavelmente letra de minha avó) em uma folha de papel bem amarelinha, com algumas gotinhas de óleo. Tive que fazer! Acrescentei um pouco de leite condensado à receita, mas o restante é puro bombocado de Minas... Também coloquei em forminhas de mini cupcakes e ficaram muito fofos. Um problema: impossível comer um só!

Ingredientes (rendeu 42 mini bombocados):
3 ovos grandes
1 1/2 xícara de leite
1/2 xícara de leite condensado
1 xícara de açúcar
1 xícara de fubá
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de manteiga em temperatura ambiente
1 xícara de queijo parmesão ralado (pode ser o meia cura também)
1 xícara de coco ralado
1 colher (sopa) de fermento químico


Modo de preparo:
Impossível ser mais simples: bata tudo com um fouet até incorporar bem. Distribua em forminhas de papel ou unte bem um assadeira com manteiga e coco ralado e despeje a massa. Asse em forno pré aquecido a 220oC por aproximadamente 20 minutos ou até que a superfície fique levemente dourada.

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Bolo Mousse de Chocolate


Não coloquei no título que é um bolo 'de caixinha', pois normalmente as pessoas (eu mesma) têm um pouco de preconceito com as misturas para bolo. Não ganho nada em fazer propaganda desta marca (viu Fleischmann!!), mas venho trazer através deste post a minha satisfação com este bolo. Nada de textura estranha, nem sabor artificial. Pelo contrário, um bolo com textura macia e aerada e sabor acentuado de chocolate, que foi devorado em dois dias....
Como ando um pouco sem tempo para fazer os meus bolos preferidos, fica a dica pra quem quiser testar e também quiser um pouco de praticidade.


terça-feira, 10 de abril de 2012

Quiche de Alho Poró


Já fiz muito quiche pra vender no passado, então fazia muito tempo que nem pensava nisso. Acontece que tudo o que é demais enjoa, mas se passou tanto tempo que deu uma vontade repentina de lembrar a textura, sabor, cheiro. E esse ficou realmente especial, pois não segui minhas receitas tradicionais, e acrescentei ingredientes como o tomate e o bacon que deram um toque especial.

Ingredientes (8 pedaços):
Massa:
3 xícaras de farinha de trigo
100g de manteiga gelada
1 ovo
1/2 colher (chá) de sal
60ml de água gelada

Recheio:
2 alho poró cortados em rodelas
1 dente de alho picado
6 fatias de bacon cortados em cubos
2 tomates sem pele cortados em cubos
2 saquinhos de Sazón amarelo
1 colher (chá) de sal
6 ovos
250ml de creme de leite (usei o fresco, mas pode ser o de caixinha)


Modo de preparo:
Massa: Misture todos os ingredientes até formar uma massa bem lisa, mas não trabalhe muito a massa. Forre uma forma de fundo removível com essa massa e deixe descansar na geladeira por no mínimo 30 minutos, coberta com um pano . Depois deste tempo pré asse a massa em forno pré aquecido a 200oC até ela começar a dourar. Retire do forno  e reserve.
Recheio: Doure o bacon e escorra a gordura que sobra. Refogue junto o alho picado, o tomate e o alho poró até murcharem bem. Tempere com o sal e o Sazón e reserve. Bata ligeiramente os ovos e acrescente o creme de leite misturando bem . Acrescente a mistura de alho poró ao batido de ovos e despeje por cima da massa pré assada. Leve tudo para assar no forno pré aquecido por aproximadamente 30 minutos ou até a superfície ficar bem douradinha.

Dica: Essa massa pode ser usada tanto com recheio salgado quanto doce, só trocando o sal pelo açúcar. Os ingredientes básicos do recheio são os ovos e o creme de leite, então você pode inventar o recheio que quiser.

sábado, 31 de março de 2012

Manteiga Caseira


Quando assisti pela primeira vez o filme 'Julie and Julia' e o comentário sobre a paixão pela manteiga me identifiquei muito. Se pudesse faria tudo com manteiga, mas as calorias não me permitem tanto, então me contento com uma torradinha de manhã com uma boa passada dessa delícia. Estava com muita saudade de escrever por aqui. Minha vida está uma correria por conta da construção do meu 'lar doce lar', e qualquer receitinha tem ficado pra depois. Tão corrida está a vida e a cabeça tão cheia de coisas que fui ao mercado e me esqueci de comprar manteiga!!!! Como pude??? Café da manhã com requeijão????? Nãaaaaao!!!! Mas eis que em minha geladeira uma bela garrafinha de 500ml de creme de leite fresco, e dá-lhe procurar no amigo 'Google' como fazer manteiga. Segui as dicas do começo ao fim, e meu café da manhã perfeito estava pronto em 15 minutos.... Aleluia!!!


Ingredientes e Modo de Preparo graças ao http://acozinhacoletiva.blogspot.com.br/
500ml de creme de leite fresco de boa qualidade
3 litros de água bem gelada filtrada
1/4 colher (chá) de sal refinado ou granulado
Bata o creme de leite na batedeira até começar a ficar granulado e a parte sólida do creme começar a se separar e formar um líquido branco. Pare a batedeira e escorra esse líquido em um copo (esse líquido é o buttermilk, ou leite de manteiga, muito usado em receitas 'estrangeiras', então não jogue fora). Bata mais uma vez e perceba que sai mais líquido. Despeje mais uma vez. Neste ponto a manteiga já está bem branquinha e grossa, então coloque água muito gelada  por cima dela e comece a sovar a manteiga para que qualquer resquício do líquido branco saia. Usei uma espátula de silicone para fazer isso e deu muito certo. Escorra a água, porém esta é para jogar fora e repita esta operação até a água sair límpida. No meu caso precisei fazer só duas vezes.  Sua manteiga caseira está pronta! Se quiser salgar, misture com a espátula o sal refinado ou granulado e guarde a manteiga na geladeira em um recipiente bem fechado.

Rendimento: dos 500ml de creme de leite eu tirei 300ml de buttermilk e 200g de manteiga.

sexta-feira, 16 de março de 2012

Antepasto de berinjela


Sempre adorei antepastos! É um 'estraga almoço', mas é tudo de bom. Problema sério ter um potinho de antepastos com uma cestinha de pão italiano do lado. Esta receita de berinjela é muito simples, e fica cada dia mais gostosa, pois vai curtindo no azeite, então faça um monte de uma vez e coloque em vidros esterelizados, ou dê de presente, ou venda, ou coma tudo.....

Ingredientes (rendeu 3 vidros de 300g mais ou menos):
4 berinjelas grandes descascadas
sal o quanto baste (usei uns 300g)
1 pimentão vermelho
1 pimentão amarelo
2 cebolas grandes fatiadas
4 dentes de alho amassados
1/2 xícara de vinagre branco (usei o de maçã)
1 xícara de uvas passas brancas
Azeite


Modo de Preparo:
Eu ralei no ralador grosso as berinjelas, mas você pode cortar em tiras bem finas se quiser. Em um escorredor de macarrão, vá alternado camadas de berinjela ralada/fatiada e sal (pode cobrir mesmo, bem exagerado, pois é o sal que vai 'cozinhar' a berinjela). Deixe assim por umas duas horas, e peceba que vai escorrer um líquido escuro. Enquanto isso, fatie os pimentões finamente. Refogue a cebola e o alho amassado em um pouco de azeite, até murchar, e acrescente os pimentões para que refoguem junto. Acrescente o vinagre e deixe evaporar. Lave a berinjela em água corrente e esprema bem para sair todo o excesso de água. Misture ao refogado e desligue. Acrescente as uvas passas e misture bem. Espere esfriar e divida em vidros, ou coloque em um só recipiente de vidro, e acrescente azeite até metade, mais ou menos.

terça-feira, 13 de março de 2012

Bolo de Iogurte Formigueiro


Este foi pedido de minha filha Bia. Muito simples de fazer, delicioso, básico para um café, macio demais. A receita do bolo de iogurte peguei de minha mãe, e acabei incrementando com o granulado na massa.

Ingredientes:
200g de iogurte natural
3 ovos
150ml de óleo
2 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
1 colher (sopa) de fermento químico
1 colher (chá) de extrato de baunilha
1/2 xícara de chocolate granulado


Modo de Preparo:
Pré aqueça o forno a 200oC, e unte uma assadeira com furo no meio. Bata os ovos com o iogurte e o óleo. Peneire a farinha, o açúcar e o fermento e bata mais um pouco. Acrescente a baunilha e o granulado e mexa até incorporar. Despeje na assadeira e leve para assar por aproximadamente 40 minutos, ou espete um palito e veja se sai limpo.

quinta-feira, 1 de março de 2012

Costelinha Caramelizada



É tão bom quando nos empolgamos com uma receita e ela sai exatamente como você queria! Minha mãe adora o programa da Ana Maria Braga e viu esta receita que 'tinha' de fazer! Pois bem, minha mãe cozinha fantasticamente, mas dificilmente sai da cozinha tradicional para provar algo diferente. Não que ela não goste, mas meu pai é um 'crítico gastronômico' (só dela...) dos bons, então ela não arrisca muito. Mas dessa vez eu agradeci a Deus por ela ter saído do tradicional e arriscado. A costelinha ficou fantástica, sendo que 2Kg (sim, ela dobrou a receita...) foram devorados por 4 pessoas..... a carne descolando do osso.... lambendo os dedos..... Foi uma cena bem carnívora, sem classe nenhuma, imaginem só...


Ingredientes:
¼ xícara de água (60 ml)
1 colher (sopa) de molho shoyu
2 cebolas picadas grosseiramente 
1 dente de alho
1 colher (sopa) de gengibre descascado cortado grosseiramente
1 colher (sobremesa) de sal
1 tablete de caldo de frango (usei em pó da Ajinomoto)
1 kg de costelinha de porco cortada em pedaços pequenos
1 litro de água
folhas de sálvia, alecrim debulhado e sal a gosto
250ml de óleo 
1 ½ frasco de glucose de milho dourada (525 g)
cebolinha verde picada a gosto


Modo de preparo:

1°- Coloque num processador a água, o molho shoyu, as cebolas, o  alho, o gengibre descascado cortado grosseiramente, o sal, o caldo de frango e bata até a cebola e o gengibre estarem bem moídos. Transfira a mistura para um saco plástico, coloque a costelinha de porco cortada em pedaços pequenos e misture bem. Deixe marinando por no mínimo 12 h na geladeira.
2°- Numa panela de pressão coloque 1 litro de água, folhas de sálvia, alecrim debulhado, sal a gosto e a costelinha (já temperada) junto com a marinada e leve ao fogo médio por 20 minutos após pegar pressão. Desligue o fogo, retire o vapor da panela e retire as costelinhas de porco cozidas.
3°- Coloque o óleo e a glucose de milho dourada e leve ao fogo alto até borbulhar (+/- 2 minutos). Abaixe o fogo, mantendo as borbulhas, coloque os pedaços de costelinha de porco (já cozidas) e deixe caramelizar por +/- 15 minutos. Retire os pedaços das costelinhas da panela e coloque-os numa peneira para escorrer o excesso de glucose. Sirva em seguida salpicado com cebolinha verde picada.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Rocambole


Receitinha de mãe, sem jeito de dar errado.... Sem mais comentários! Vai lá fazer o seu que é rapidinho...

Ingredientes:
7 gemas
7 claras
7 colheres (sopa) de açúcar refinado
4 colheres (sopa) de farinha de trigo
4 colheres (sopa) de amido de milho
1 colher (sopa) de fermento químico
1 lata de doce de leite


Modo de preparo:
Pré aqueça o forno a 200oC. Forre uma assadeira grande com papel manteiga e unte com manteiga e farinha toda a superfície. Bata as claras em neve em picos firmes e reserve. Bata as gemas com o açúcar até branquear e ficar bem cremoso. Diminua a velocidade da batedeira e peneire a farinha, o amido e o fermento e bata somente até incorporar bem. Com uma espátula misture delicadamente as claras em neve. Espalhe na forma e leve para assar até começar a dourar. Para enrolar sem quebrar a massa, umedeça um pano de prato e desenforme a massa por cima do pano. Espalhe o doce de leite por toda a superfície da massa e vá enrolando com a ponta do pano de prato, apertando bem para não quebrar a massa. Polvilhe um pouco de açúcar de confeiteiro por cima e delicie-se!

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Bolo de Abacaxi Upside Down


Pedimos este bolo como sobremesa no Cracker Barrel, na Florida, e ele foi servido quentinho com duas bolas de sorvete, pra delírio da galera. Desde que voltamos das férias meu filho me pede este bolo todos os dias. Está na hora de atender ao seu pedido. O bolo é realmente muito bom, fofinho, doce na medida, e pode ser mantido na geladeira pois fica bem molhadinho devido à calda. Vou tentar da próxima vez com outras frutas como banana, pêssego, maçã......deve ficar bom também.

Ingredientes (adaptado daqui):
Cobertura (que na verdade começa por baixo):
1 xícara de açúcar mascavo
1/2 xícara de manteiga
1 lata de abacaxi em calda escorrido (acho que abacaxi fresco deve ficar melhor....)
Bolo:
2 xícaras de farinha de trigo
6 colheres (sopa) de farinha de amêndoas
3/4 colher (chá) de fermento químico
1/2 colher (chá) de sal
1 3/4 xícara de açúcar
200g de manteiga em temperatuta ambiente
4 ovos grandes
3/4 colher (chá) de extrato de baunilha
3/4 xícara de sour cream (misturei 3/4 de xícara de leite com 1 colher (sopa) de limão e deixei por 15 minutos)


Modo de preparo:
Cobertura:
Misture o açúcar mascavo e a manteiga em uma panela pequena e leve ao fogo baixo deixando dissolver bem. Unte uma assadeira com manteiga e despeje a mistura por cima. Arrume as fatias do abacaxi escorrido por cima e reserve.
Bolo:
Pré aqueça o forno a 200oC. Bata a manteiga com o açúcar até ficar um creme fofo. Acrescente um a um os ovos, a baunilha e o sour cream. À parte peneire todos os ingredientes secos e vá acrescentando aos poucos à mistura já batida. Coloque tudo por cima da calda e do abacaxi e leve ao forno por aproximadamente uma hora, ou espete um palito de dente no centro, este tem que sair limpo. Espere esfriar por uns 10 minutos antes de desenfornar. Ainda peguei 1/2 xícara da calda do abacaxi e reguei o bolo antes de desenformar. Ficou bem molhadinho e saboroso.

Obs.: O bolo ficou bem parecido, mas o abacaxi em calda fica firme, então acredito que o fresco deve ficar mais saboroso e incorporar melhor à massa. 

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Bolo de Chocolate Vegano


Desde que as férias acabaram, meu 'lerê' não pára mais. Nunca pensei que tivesse tanto 'cacareco' (palavras de meu marido) acumulado. E o pior é que quando começo, só paro quando vejo o fim.... Resultado, casa mais arejada e despensa vazia (pois o mercado ficou pra depois....). Mas meus filhos já sentem na pele e me pedem desesperadamente por um bolinho caseiro. Pois bem, nem ovos, nem leite e nenhuma vontade de sair pra comprar. Busca rápida pela net e eis que aparece a receita: 'bolo de chocolate vegano'. De início pensei que ficaria totalmente insosso e sem textura,  mas me surpreendi... As crianças pediram uma coberturinha de brigadeiro (assim não vale né!), mas minha cunhada que provou sem nada aprovou. Eu comi com geléia de frutas vermelhas. Enfim, use a imaginação. Se querem uma opinião justa, este daqui é muuuuito melhor, então da próxima vez vou à caça de ingredientes 'animais'.
Memo assim fica uma dica pra quem tem algum tipo de intolerância  a lactose. A receita tirei do site veganchocolatecake.net.

Ingredientes:
1 ½ xícara de farinha de trigo
3 colheres de sopa de cacau em pó
1 colher de chá de fermento químico
1 xícara de açúcar refinado 
½ colher de chá de sal
1 colher de chá de extrato de baunilha
5 colheres de sopa de óleo (usei o de girassol)
1 colher de sopa de vinagre de maçã 
1 xícara de água fria

Modo de preparo:
Pré aqueça o forno a 180oC. Em uma vasilha grande peneire bem a farinha, o cacau, o fermento, o açúcar e o sal. Faça um buraco no meio e coloque a baunilha, o óleo, o vinagre e a água. Misture somente até os ingredientes se unirem bem. Asse em uma forma redonda de 20cm ou, como fiz, em forminhas  para cupcake, por aproximadamente 30 minutos.

Rendimento: 10 porções 

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Ovo Poché



Continuando minha empolgação com a culinária francesa, este é um post desafiador pra mim. Na faculdade acabei com uma caixa de ovos tentando fazer o ovo perfeito. Vamos ver depois de quantos eu acerto hoje.....

Ingredientes:
1 ovo fresco  (o mais fresco possível, com a clara bem firme)
água fervente
1 pitada de sal
1 colher (chá) de vinagre


Modo de preparo:
Ferva a água em uma panela pequena, e quando ferver acrescente o sal e o vinagre e abaixe o fogo. Estes dois não servem para dar sabor ao ovo, apenas para não deixar ele desmanchar na água (foi o que me falaram...). Mexa bem o fundo da panela para que as bolhas de ar se soltem e se forme um redemoinho. Quebre o ovo bem próximo da água, no meio do redemoinho e com uma colher vá jogando a clara por cima da gema, como se estivesse tentando cobri-la. Para a gema quase dura leva uns 4 minutos cozinhando, mas se quiser um pouco mais mole deixe por 3 minutos. Retire com uma escumadeira e coloque em um papel absorvente para secar bem a água. Coma com um pedaço de pão italiano e queijo derretido.Voilà ou quase lá!




segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Bouef Bourguignon (chique heim!)


Adoro o som das preparações francesas: bouef bourguignon, créme brulee, quiche lorraine, croissant, foie gras. Enfim, os pratos com 'acento' francês parecem complicados e elaborados, mas a maioria deles podem ser feitos de maneira fácil e rápida.
O Bouef Bourguignon na verdade é uma carne de panela cozida no vinho tinto e caldo de carne, bem lentamente, com temperos e legumes. Qualquer um pode fazer, e até mesmo adaptar com a carne que preferir. Para cozimento lento e muito sabor eu gosto de usar paleta, mas músculo e coxão duro também ficam muito saborosos. Este prato pode ser preparado de véspera, e aliás a carne e os legumes absorvem bem o sabor.
Devido à minha pressa em buscar crianças na escola e (ainda) arrumar o retorno das férias, acabei usando um caldo em pó que eu adoro, mas se tiver tempo e paciência pode preparar um caldo 'de verdade'.

Ingredientes (para 6 pessoas):
1 kg de paleta
1/2 xícara de bacon picado em cubos
2 colheres (sopa) de manteiga
2 dentes de alho
1 litro de caldo de carne (usei o de costela em pó)
500ml de vinho tinto seco
sal e pimenta a gosto
1 cebola piquê (cebola descascada e espetada com 2 cravos e 1 folha de louro para dar sabor ao caldo)
1 colher (chá) de alecrim
1 colher (sopa) de tomilho fresco
2 colheres (sopa) de extrato de tomate
1 xícara de cogumelos Paris frescos ou em conserva cortados em fatias
2 cenouras cortadas em rodelas de 2cm
2 batatas cortadas em cubos grandes


Modo de preparo:
Corte a carne em cubos de aproximadamente 4cm e enxugue cada cubo em papel toalha, desta forma a carne doura mais rápido. Coloque a manteiga e o bacon em uma panela grande e quando o bacon começar a dourar coloque a carne para dourar também. Quando a carne estiver bem douradinha, acrescente os dentes de alho espremidos e metade do caldo de carne. Quando ferver acrescente o extrato de tomate, o alecrim e o tomilho, e deixe reduzir por aproximadamente 20 minutos em fogo baixo. Acrescente o vinho tinto e quando o álcool tiver evaporado acrescente o restante do caldo. Nesta fase você pode fazer outra coisa ou descansar, pois em fogo baixo deve demorar uma hora e meia para a carne cozinhar com a panela tampada. Fique sempre de olho, pois as temperaturas dos fogões variam muito. Na última meia hora acrescente o cogumelo, a cenoura e a batata. Bon appétit!



quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Made in USA

Boynton Beach - FL

Não, não mudei de país, nem desisti do meu blog, aliás estou morrendo de saudades do meu 'cantinho'. A verdade é que estou de férias com a família, e como isso só acontece uma vez por ano, falta um pouco de tempo pra ficar com o umbigo no fogão (morro de vontade...). Minhas merecidas férias internacionais são em Boynton Beach, Florida, uma cidadezinha pitoresca no condado de Palm Beach, que mora em meu coração, como se fosse meu segundo lar...
Enfim, vou postar algumas fotos dos lugares em que vou me deliciar, bem típicos, talvez algum achado, e receitinhas mesmo só em fevereiro, a não ser que ache uma receitinha muito especial pra preparar pra vcs.
Até mais!

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Bala de Leite


Quem nunca grudou balas de leite no dente? Sabor de infância ... Quando vi esta receita aqui, me entusiamei na hora, e percebi que tinha tudo pra dar certo. E deu! Durante todos os 40 minutos em que esperei ansiosa para colocar uma bala na boca, pensei diversas vezes que não iria dar certo, pois estava fácil demais. Sei lá, ficar olhando para o termômetro que não subia a temperatura nunca, me fez pensar 'este treco vai queimar e feder a casa inteira', mas não, deu muuuito certo, e valeu esperar cada minuto...

Ingredientes (rendeu umas 30 balas de leite, adaptada daqui):
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de glucose de milho
1 caixinha de creme de leite
4 colheres (sopa) de manteiga com sal


Modo de preparo:
Unte e forre uma assadeira para bolo inglês com papel alumínio, e unte também o papel alumínio. Leve para ferver o creme de leite com 2 colheres de sopa de manteiga e reserve. Leve o açúcar com a glucose para derreter em uma panelinha de fundo grosso. Não mexa no açúcar, a não ser que comece a queimar, neste caso simplesmente dê umas voltinhas de leve na panela. O açúcar tem que chegar à 150oC de temperatura, e o termômetro culinário é essencial nesta receita, pois não há outra forma de saber o ponto correto do caramelo. Quando chegar a 150oC desligue o fogo e despeje o creme de leite por cima, com muito cuidado, levando a panela de volta ao fogo, até que a temperatura chegue a 125oC. Neste ponto toda a mistura deve estar por igual. Retire do fogo e misture as 2 colheres de manteiga restantes. Despeje na forma untada e espere esfriar. Corte em pedaço pequenos com uma faca untada com óleo. Embale em papel celofane ou papel manteiga e guarde por até um mês em um local fresco e arejado (claro que não vai sobrar pro mês.....).