quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Manjar de Coco


Manjar sempre foi uma das minhas sobremesas favoritas nas festas de fim de ano. Mas não é qualquer manjar que eu como, porque de mingau o mundo está cheio.... Esta receita tão fácil, veio de uma tia muito querida, que simplesmente substitui o amido de milho por um 'pózinho' com um pouco mais de sabor...

Ingredientes:
1 litro de leite
1 lata de leite condensado
1 vidro de leite de coco
1 caixinha de 200g de Cremogema
manteiga e coco ralado para cobrir a forma
Para a calda de ameixa:
1 xícara de ameixa seca sem caroço
2 xícaras de açúcar
1/2 xícara de água



Modo de preparo:
Misture o leite, o leite condensado, o leite de coco e o Cremogema e leve ao fogo para cozinhar até engrossar (não cozinhe demais para não ficar muito firme), mexendo sem parar para não empelotar. Despeje imediatamente em uma forma para pudim, untada com manteiga e coberta com coco ralado de todos os lados. Cubra com um filme plástico e leve para a geladeira.
Para a calda, leve o açúcar e a água para ferver, e acrescente as ameixas. Deixe a calda engrossar e desligue o fogo. Resfrie a calda para ser usada depois por cima do manjar. Desenforme o manjar e sirva com a calda de ameixa bem geladinha. Hummmmm!!!!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Doce Natal


Vou tentar ser precisa nas minhas palavras, caso contrário este post ficará gignatesco....
Família grande, agregados de todos os lados, falta de tempo e de criatividade para presentes diversos. Solução: igualar o presente de todos! E o que mais poderia ser senão comida, e de preferência que agrade a grande maioria: "DOCINHOS!!!". Todos fáceis demais de fazer, mas não deixam de ser especiais.
Para dar um toque mais pessoal acabei fazendo os presentinhos do início ao fim, ou seja, caixinha, docinhos, enfeite etc.
Vamos ao 1o doce da caixa:

Damascos recheados


Ingredientes (para 40 docinhos):
35 Damascos secos cortados pela metade (sem separar as metades)
1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) manteiga sem sal
1 colher (sopa) de coco ralado fino
1 xícara de amêndoas picadas para cobrir o docinho (pode também usar coco ralado)

Modo de preparo:
Faça um 'beijinho' com o leite condensado, a manteiga e o coco ralado até dar o ponto de enrolar (aproximadamente 15 minutos). Espere esfriar e enrole, passando depois pelas amêndoas picadas para cobrir. Coloque cada docinho dentro do damasco seco, e disponha em forminhas de papel.

Brigadeiro Gourmet After Eight


Ingredientes (para 40 brigadeiros):
1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) de manteiga sem sal
1/2 xícara de chocolate amargo picado
10 gotas de essência de menta
1 xícara de chocolate amargo ralado fino para cobrir os brigadeiros

Modo de preparo:
Cozinhe o leite condensado, a manteiga e o chocolate amargo, sempre mexendo, até que soltem do fundo da panela. Desligue o fogo e acrescente as gotas de essência e mexa bem para incorporar. Espere esfriar e role no chocolate amargo ralado fino. Coloque cada um dentro de forminhas de papel. Este brigadeiro é mais sensível ao calor devido à cobertura de chocolate puro, então mantenha ao abrigo do calor.

Palha Italiana (estão embaixo dos docinhos)


Ingredientes (rendeu mais ou menos 30 pedaços de 5 por 5cm):
2 latas de leite condensado
2 colheres (sopa) de manteiga sem sal
1 pacote de bolacha de leite picada grosseiramente
açúcar para cobrir

Modo de preparo:
Cubra uma forma pequena com papel alumínio e unte bem com manteiga o papel. Cozinhe o leite condensado com a manteiga até que solte do fundo da panela. Misture a bolacha quebrada ao doce e despeje na forma, alisando bem para que fique com a espessura de 1 cm mais ou menos. Espere esfriar bem, corte em quadrados com uma faca untada em óleo e role pelo açúcar. Embrulhe em papel celofane ou plástico filme.

BOAS FESTAS E QUE DEUS ABENÇOE A TODOS!!!




segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

"O" Bolo de Laranja



Quando fiz este bolo pela primeira vez na faculdade de gastronomia, logo vi que iria repeti-lo diversas vezes, ou para comer no café da manhã com uma bela xícara de café com leite, ou para incrementá-lo com um recheio de doce de leite e uma coberturinha básica de laranja. Mas o que me deixou incrivelmente feliz foi ele ter ficado tão, mas tão lindo na minha forma da Nordic Ware.

Ingredientes (rendeu 18 mini bolinhos):
200g de farinha de trigo
300g de açúcar
4 ovos
100g de margarina
100ml de leite
100ml de suco de laranja natural
10g de fermento químico

Modo de preparo: 
Misture a margarina com o açúcar e bata na batedeira até formar um creme bem fofo. Acrescente os ovos um a um e bata até incorporar bem. Adicione o leite e diminua a velocidade da batedeira. Acrescente aos poucos a farinha bem peneirada e o suco de laranja. Misture o fermento delicadamente e leve ao forno pré aquecido a 180oC por aproximadamente 40 minutos ou até enfiar um palito de madeira no centro e este sair limpo. Você pode usar a forma que quiser pra deixar um bolo tão simples um pouco mais incrementado, só não se esqueça de untar bem com bastante margarina e farinha. Bon appétit!

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

O primeiro Macaron a gente nunca esquece...

primeira fornada
Eu tenho uma pequena vantagem em comentar sobre meu 1o macaron: além de ter sido a primeira vez que fiz, foi também a primeira vez que comi, então o meu julgar é vão, e totalmente sem padrão de comparação.
O que posso dizer pra voces é sobre os meus sentidos ao fazer e ao comer. Ao fazer, me senti muito importante em seguir técnicas de chefs como Pierre Hermé, e ansiosa como uma criança, sentada em frente ao forno esperando que meus pequenos confeitos não queimassem, nem quebrassem ou à espera que criassem 'pés' (sim, os macarons têm pés...). Pensando agora, foi realmente engraçado.... . Bom, ao provar a primeira metadinha que descolei da forma, a sensação foi a seguinte: casquinha crocante, porém bem fininha, recheio cremoso e levemente aerado, com sabor doce acentuado de amêndoas, que ao contato com o céu da boca se desmancha. Se gostei, sim, adorei. Se ficaram lindos, não, ficaram bem feinhos, do tipo de doce para se comer  na cozinha, sem mostrar pra ninguém.
As técnicas são diversas, dicas têm aos montes, mas como não sou profissional do macaron, e ainda tenho tempo para alguns testes, vou postar os meus feinhos mesmo, e quem sabe, daqui há algum tempo, alguns bem bonitos...

Ingredientes (peguei daqui)(25 macarons ou 50 metadinhas):
1 xícara e 1/4 de farinha de amêndoas (150g)
1 xícara de açúcar de confeiteiro (150g)
3 claras (120g)(dizem que precisam ficar fora da geladeira por umas 48hs, mas a minha ansiedade não permitiu este feito)
1 xícara e 1/4 de açúcar refinado(185g)
50ml de água



Modo de preparo (a saga dos macarons):
1) Nesta receita fazemos primeiro uma calda com a água e 1/4 de xícara do açúcar refinado. Esta calda tem que estar a 110oC para ser usada, mas quem não possui termômetro culinário, espere a calda ferver e deixe mais uns 3 minutos; coloque uma colher da calda em um copo com água fria e veja se o açúcar cria uma balinha mole.
2) Enquanto isso bata as claras em  neve, e quando começarem a espumar coloque o restante do açúcar refinado até formar um merengue firme.
3) Sem desligar a batedeira, escorra pela lateral da travessa a calda de açúcar e bata até o merengue esfriar (mais ou menos uns 5 minutos). Esse é o método para se fazer merengue italiano.
4) Enquanto o merengue estiver esfriando, bata no liquidificador ou no processador a farinha de amêndoas com o açúcar de confeiteiro. Peneire para ficar sem nenhum grumo.
5) Coloque a mistura de amêndoas sobre o merengue e mexa cuidadosamente com uma espátula para que todos os ingredientes fiquem bem unidos. Esta é a hora de colocar algumas gotas de aroma ou de corante se desejar.
6) Coloque a massa em um saco de confeitar com um bico liso e faça bolinhas da massa de uns 3cm em uma forma com papel manteiga ou silpat. Deixe descansar na forma por uns 20 minutos. Enquanto isso ligue o forno no mínimo (110oC se possível).
7) Asse os macarons por aproximadamente 10 minutos com a tampa do forno entreaberta para que eles não queimem, nem quebrem, e fiquem bem sequinhos (a minha 1a fornada foi a melhor, mas as 2 próximas não prestaram).

Recheio:
Eu fiz um doce de abacaxi com coco (quem quiser a receita me pede), mas pode ser recheado com buttercream, ganache, doce de leite etc......


quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Broinha de Fubá


Quando vi esta receita no Fofurices, fui correndo para a dispensa à procura de fubá, com a certeza de que tinha encontrado a receita das broas de Muzambinho. Por minha sorte tinha muito fubá, e o restante da receita me lembrou mais um 'paté a choux' mineiro, muito parecido na elaboração, então tirei de letra...
Saindo do forno, comi logo três com requeijão e uma xícara de café com leite.... Pura gula! Ainda não são os de Muzambinho, mas muito parecidos, e ficam bem aeradinhos por dentro.

Ingredientes (para 25 broinhas):
1 xícara de leite
1 xícara de água
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de óleo
1 colher (chá) de sal
1 xícara de fubá
1 xícara de farinha de trigo
4 ovos
erva doce
fubá para salpicar (esqueci dessa parte)



Modo de preparo:
Aqueça o forno a 200oC e forre uma assadeira grande com papel manteiga ou silpat. Ferva o leite, a água, o açúcar, o óleo e o sal e baixe  fogo. Acrescente de uma só vez a farinha e o fubá e mexa bem até a massa ficar bem lisinha e um pouco mais seca. Tire do fogo e bata bem para a massa esfriar, uns 5 minutos (Bati na batedeira). Acrescente o quanto desejar de erva doce e espere a massa esfriar mais ainda. Acrescente um a um os ovos, mexendo bem para que a massa fique brilhante e todos os ingredientes bem incorporados. Coloque a massa em um saco de confeitar e com um bico grande faça montinhos de uns 6cm. Salpique um pouco de fubá por cima e leve as broinhas para assar até dourar.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Tortilla assada de Alho Poró


Há 12 anos atrás, na minha lua de mel, conheci a Espanha. Tô pra ver lugar mais bonito e comida mais gostosa.   Infelizmente algumas comidas não consigo matar a saudade frequentemente, ou porque são caras demais (Jamon pata negra, lagostin, açafrão), ou simplesmente porque não acho por aqui, como os tomates maravilhosos e adocicados para fazer gazpacho, ou os frutos do mar dos mais variados possíveis, como o Krill. Mas a tortilla eu posso! E faço sempre, com muito azeite espanhol, e acrescentando qualquer sabor que tiver na geladeira. Desta vez foi o alho poró, que eu adoro e acho super aromático, com gostinho de Espanha.

Ingredientes (para 6 pessoas):
3 batatas médias cortadas em fatias de 0,5cm
1 alho poró cortado em fatias finas
5 ovos
1/2 xícara de leite
1/4 xícara de azeite extra virgem
1 colher (chá) de sal
1/2 colher (chá) de pimenta do reino
1 envelope de Sazón amarelo



Modo de preparo:
Coloque em uma forma de 25cm de diâmetro as batatas cortadas e regue com o azeite, o sal e a pimenta. Leve ao forno a 220oC até começarem a dourar. Quando estiverem douradas, acrescente o alho poró fatiado e mexa para que o azeite também o envolva. Leve ao forno por mais 5 minutos para o alho poró murchar um pouco. Bata ligeiramente os ovos com o leite e o Sazón e acrescente à mistura de batatas e alho poró, levando ao forno até dourar a superfície, aproximadamente 10 minutos. Sirva com uma salada bem temperada, tomates com manjericão, ou simplesmente regue mais azeite e se divirta....

Panna Cotta (quase) light



O famoso 'pudim' italiano tem tantas versões por aí, que resolvi inventar a minha também. Queria uma sobremesa leve, mas encorpada, doce, mas nem tanto, e que pudesse ser comida com alguma fruta mais cítrica. Olhei em blogs, livros, sites.....Acabei indo para a cozinha com a ideia de misturar um pouco de tudo. Deu certo, até o marido que é mais enjoado gostou, e comeu com Kiwi bem azedinho.

Ingredientes (para 8 potinhos):
250ml de creme de leite fresco
350 ml de leite desnatado
170ml de iogurte natural desnatado
2 colheres (sopa) açúcar light (usei o União que é igualzinho açúcar)
1 fava de baunilha, ou 1 colher (chá) de essência
11g de gelatina em pó incolor e sem sabor
5 colheres (sopa) de água fria

Modo de preparo:
Hidrate a gelatina com as 5 colheres de sopa de água e reserve. Aqueça, sem deixar ferver, o creme de leite com o leite e o açúcar, e depois acrescente o iogurte e a baunilha (se for a fava, abra, retire as sementinhas com uma faca e aqueça junto com o leite). Aqueça por uns 15 segundos a gelatina hidratada no microondas, e misture aos outros ingredientes. Mexa bem, distribua em potinhos e coloque na geladeira por no mínimo 2 horas antes de servir.
Obs.: Você pode comer com uma caldinha de caramelo, com frutas frescas, geléias, pêssego em caldas, enfim, o que a vontade pedir...

domingo, 13 de novembro de 2011

Bolo de Cenoura estilo americano




Domingão chuvoso, criançada entediada, e eu também.... vou pro fogão, mas o que fazer? _Crianças, o que voces querem comer?:_ "Bolo de cenouraaaa!!!". Me recusando a repetir a mesma receita de sempre, lá vou eu à procura de algo diferente. Eis que em meu lindo livro do Jamie (que o maridinho trouxe de Portugal) surge a receita de um bolo de cenoura bem incrementado, mas que tristeza em saber a enorme quantidade de manteiga. Não conformada, continuo a minha árdua pesquisa e encontro, no  'A Cozinha Coletiva', que sou fã, uma receita que ele tirou  daqui, e me parece perfeita com todos os ingredientes que eu tenho....
É um bolo totalmente diferente, em nada lembrando o nosso só com cenouras. As texturas são variadas, o sabor é rico, as coberturas podem variar,..... sei lá.....é um novo bolo, e não uma variação do nosso bolo de cenoura, mas é muito bom, e as crianças aprovaram. 


Ingredientes:
2 xícaras de farinha de trigo
2 colheres (chá) de fermento em pó
2 colheres (chá) de bicarbonato de sódio
1 colher (chá) de canela em pó
1 colher (chá) de sal
2 xícaras de açúcar
4 ovos
1 1/2 xícaras de óleo de canola
3 xícaras de cenoura ralada grossa
3/4 de xícara de nozes picadas (usei amêndoas)
1/2 xícara de coco ralado 

Modo de preparo:
Unte  uma assadeira quadrada e preaqueça o forno a 180o C. Misture a farinha, o fermento, o bicarbonato, o sal e a canela. Adicione o açúcar e misture. No liquidificador, apenas pulse os ovos o óleo e a cenoura ralada, para que os pedacinhos de cenoura não fiquem totalmente triturados. Derrame essa mistura sobre a mistura de farinha e mexa bem. Adicione o coco ralado e as nozes e misture. Asse por cerca de 60 minutos ou até que, enfiando um palito de madeira no bolo, ele saia seco. Apague o forno e deixe o bolo lá dentro por 10 minutos. Retire e deixe esfriar completamente.


Cobertura: provei no meu pedaço (o da foto) a famosa cobertura de cream cheese (cream cheese batido com açúcar), e adorei, mas sei que as crianças não gostariam, então fiz uma ganache (chocolate ao leite com creme de leite).

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Big Onion Rings


Perfeitos!!! Não vou dizer mais nada desses anéis dourados e super crocantes que me inspiram a começar a sexta-feira pré feriadão. Tive que expulsar as criaturinhas da cozinha que não permitiam que minha travessa se enchesse...

Ingredientes:
1 cebola grande cortada em anéis de 1,5cm
1 1/2 xícara de farinha de trigo
1/2 colher (chá) de páprica
1 colher (chá) de sal
250ml de cerveja gelada


Modo de preparo:
Misture a farinha com o sal e a páprica e acrescente a cerveja, mexendo bem até a massa ficar bem lisinha. Mergulhe os anéis de cebola na massa  até que estejam bem envolvidos. Frite em óleo quente até dourar.
Obs.: Esta quantidade de massa dá para duas cebolas, então se desejar divida os ingredientes pela metade, ou use o restante da massa para empanar legumes como cenoura e vagem cortadas em 'julienne', couve flor, brócolis etc.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Toowoomba Pasta (Outback)


Sem dúvida este é o meu macarrão preferido do Outback, e talvez até mesmo de todos que já provei. A receita que encontrei é do Todd, um cara que vive desvendando o segredo  dos pratos famosos de diversas redes de restaurantes dos Estados Unidos. Óbvio que eu já curti, já me inscrevi, e já virei fã! Esta é a primeira de muitas receitas que vou testar, e digo que ficou igualzinha a original (não fosse eu esquecer os cogumelos e só ter spaghetti em casa...).

Ingredientes (para 4 pessoas): 
1/2 xícara de manteiga
1 1/2 xícara de creme de leite fresco
1 colher sopa de katchup
1 colher chá páprica
1 colher chá de alho em pó
½ colher chá de pimenta caiena
½ colher chá de cebola em pó
½ colher chá sal
¼ colher chá de pimenta do reino
2 xícaras de  cogumelos fatiados (que eu esqueci....)
500g de camarão médio
1/2 xícara de cebola picada
Queijo parmesão ralado grosso
500g de Fettuccine (usei spaghetti...)


Modo de preparo:
Cozinhe o fettuccine de acordo com as instruções na embalagem. Derreta a manteiga em uma panela grande e acrescente o creme de leite, o Katchup e os temperos. Deixe ferver em fogo baixo, mexendo de vez em quando, até reduzir um pouco e o creme se tornar alaranjado. Acrescente os cogumelos. Salteie os camarões à parte em um pouco de azeite até começarem a dourar. Acrescente os camarões ao molho. Deixe cozinhar por 5 minutos, acrescentando a cebola picada nos últimos 2 minutos. Misture ao fettuccine já cozido e sirva imediatamente com uma porção do queijo parmesão.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Pão (bolo) de Banana


Como já disse aqui, sempre fico tentada a fazer receitas que levam a palavra 'melhor' na frente do nome. Não foi diferente desta vez quando li 'best ever banana bread' (melhor pão de banana de todos). Acho que os americanos chamam de pão, por serem feitos na forma própria para pão de forma, mas na verdade é como um bolo, macio, com gostinho acentuado de banana, nem doce nem salgado, com uma manteguinha por cima, casquinha crocante hummmmmm.... Adorei! Vou fazer mais vezes com certeza! Esta receita foi levemente adaptada daqui.

Ingredientes (para 1 pão grande + 1 pequeno que coloquei na forma de panettone):
2 ovos batidos
1/4 xícara de iogurte natural
1/2 xícara de óleo de milho
3 bananas amassadas (usei a prata)
1 xícara de açúcar refinado
1/2 xícara de açúcar mascavo
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento químico
1/2 colher (chá) de sal
1/2 xícara de amêndoas trituradas


Modo de preparo:
Aqueça o forno a 180oC e unte uma assadeira para pão de forma. Misture os ovos, iogurte, óleo e bananas e separe. Misture bem os açúcares, farinha, fermento e sal , e acrescente a mistura de bananas. Por último as amêndoas trituradas. Leve para assar por aproximadamente 1h20 ou até espetar um palito no meio e este sair limpo.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Brigadeiro de Ovomaltine


Nada de mais....só um docinho pra animar, com o melhor achocolatado do mundo! O único problema é ter que comer rapidinho, pois o Ovomaltine começa a derreter em contato com o brigadeiro (nenhum problema muito sério). Mas se tiver que esperar muito tempo, ou quiser fazer para uma festinha, melhor fazer o brigadeiro no copinho, pra comer de colher, ou então enrolar em chocolate ao leite ralado. De qualquer forma, o sabor do malte fica delicioso.

Ingredientes (para 30 brigadeiros):
1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) de manteiga sem sal
2 colheres (sopa) de ovomaltine + ovomaltine para cobrir

Modo de preparo:
Como toda massa de brigadeiro básica, colocar em panela de fundo grosso os ingredientes e levar ao fogo baixo sempre mexendo até a massa começar a desgrudar das laterais e fundo da panela (mais ou menos uns 15 minutos). Desligar, mexer mais um pouco e esperar esfriar para enrolar (ou se acabar comendo de colher...).

domingo, 30 de outubro de 2011

Pudim de Leite


Acho que não preciso dizer muita coisa sobre esta sobremesa tão tradicional. Minha cunhada querida chega da 'terrinha' (Florida) e imagino que com uma vontade louca de arroz e feijão e um docinho típico. Lá vai....

Ingredientes (para 12 porções):
2 latas de leite condensado
3 latas de leite
5 ovos
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de água fervente


Modo de preparo:
Misture o açúcar com a água fervente e leve ao fogo até virar calda de caramelo em uma forma para pudim. Espere a calda esfriar. Bata todos os outros ingredientes no liquidificador por uns 3 minutos e despeje por cima da calda já resfriada. Leve ao forno, em banho maria, coberto com papel alumínio, por aproximadamente 1h30, ou verifique se ao espetar um palito de dente, este saia limpo. Enjoy it!

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Peixe no papelote



Deixando a semana um pouco mais leve, pra depois chegar com tudo no fim de semana, um peixinho básico, uma versão light do 'Belle Meunière'. Não tenho as fotos do prato pronto, pois o peixe foi atacado na própria assadeira....

Ingredientes (para 6 pessoas):
6 filés de linguado sem pele
suco de 1 limão siciliano
3 dentes de alho
1 colher (chá) de sal
2 colheres (sopa) de alcaparras
10 cogumelos em conserva cortados em fatias
3 batatas grandes cortadas em tiras grossas
salsinha
1/4 xícara de azeite

Modo de preparo:
Forre uma assadeira com papel alumínio que dê para fazer uma 'trouxinha' depois. Tempere os peixes com o sal, limão e alho, coloque na assadeira com as alcaparras e os cogumelos e feche com alumínio por cima. Deixe descansar por 30 minutos em geladeira. Tempere as batatas com sal, cheiro verde e azeite e coloque em outra assadeira. Leve o peixe e as batatas para assar em forno a 200oC por aproximadamente 30 minutos. Talvez as batatas precisem ficar mais tempo para dourar um pouquinho. Sirva com arroz branco, salada, legumes, enfim, o que sentir vontade.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Melhor Bolo de Chocolate do Mundo!




Sou sempre tentada a copiar receitas que se auto-entitulam 'melhor do mundo'. Isso porque alguém, em algum lugar realmente achou isso, e algo de interessante deve haver, a não ser que o paladar da criatura seja muito estranho. Enfim, achei a receita e a foto de um bolo de chocolate muito interessantes, e resolvi tentar. O bolo é realmente muito bom, escuro, úmido, daquele que chama a atenção sabe? Não sei se é o melhor do mundo, talvez um dos melhores de chocolate que já provei (as crianças também acharam, então já são 3 paladares diferentes). Claro que adaptei a cobertura pois não sou fã de buttercream, então fiz um brasileiríssimo brigadeiro para o recheio e cobertura; também não fiz em duas formas, apenas parti ao meio o bolo para rechear (preguiça e pressa de comer). E mais uma vez, mil desculpas pelas péssimas fotos.....logo eu resolvo isso...

Ingredientes (do My Baking Addiction):
2 xícaras de açúcar
1 e 3/4 xícaras de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de chocolate em pó
2 colheres (chá) de fermento químico
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 colher (chá) de sal
2 ovos
1 xícara de buttermilk (misturei 1 xícara de leite com 1 colher (sopa) de limão até talhar)
1 xícara de café forte (não fica com gosto de café)
1/2 xícara de óleo vegetal
2 colheres (chá) de extrato de baunilha


Modo de preparo:
Aqueça o forno a 180oC e unte uma assadeira redonda de uns 25cm. Misture a farinha, o chocolate, o fermento, o bicarbonato e o sal e depois acrescente os ovos, o buttermilk, o óleo e a baunilha. Bata bem até todos os ingredientes se misturarem bem. Asse por aproximadamente 35 minutos ou até que ao espetar um palito no meio este saia limpo. 

Cobertura:
Usei a receita básica de brigadeiro: 1 lata de leite condensado, 1 colher (sopa) de manteiga e 2 colheres (sopa) de chocolate em pó. Cozinhe até ele ficar quase em ponto de enrolar e despeje no bolo frio. 

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Cheesecake (My favorite!)


Um dos meus sonhos gastronômicos era comer uma cheesecake lá na terrinha, original, made in USA. Este foi realizado, e diz meu marido que nunca viu uma torta gigantesca ser devorada em tão pouco tempo.....Outro sonho seria reproduzir aquela torta aqui, na minha terrinha Indaiatuba. Bom.....ficou quaaaaase lá....., mas deu pra matar a vontade muuuuuito bem. A torta ficou simplesmente deliciosa, cremosíssima, e se não fosse a forma grande demais para a receita, teria ficado ainda mais bonita e pomposa.

Ingredientes (da Martha Stewart):
Crosta:
12 bolachas cream cracker (usei um pacote de bolacha ao leite)
5 colheres (sopa) de manteiga sem sal
1/2 xícara de açúcar (não usei pois a bolacha de leite já é bem doce)
1/4 colher (chá) de sal
Recheio:
1,130 kg de cream cheese (usei 4 pacotes de 250g)
1 e 1/2 xícaras de açúcar
1 colher (sobremesa) de raspas de limão
1 colher (sopa) de suco de limão
1/2 colher (chá) de sal
4 ovos grandes
1 xícara de creme azedo (coloquem em 1 xícara de leite, 1 colher (sopa) de suco de limão e deixe talhar por uns 10 minutos)



Modo de preparo:
Crosta: Triture as bolachas no mixer ou no liquidificador. Misture os outros ingredientes e faça com que a 'farofa' se torne bem umedecida com a amnteiga. Forre uma forma de fundo falso e leve ao forno a 180oC até a bolacha dourar levemente.
Recheio: Bata o cream cheese na batedeira até virar um creme fofo e aerado. Vá acrescentando o açúcar e o sal, e sem parar de bater, acrescente as raspas, o suco e os ovos um a um. Por último despeje o creme azedo à mistura. Embrulhe a forma de fundo removível com papel alumínio do fundo até as bordas, criando uma barreira que não permita que nada entre pelo fundo. Despeje o creme por cima da massa pré assada e asse a 180oC em banho maria por aproximadamente 1 hora. A parte de cima da torta começa a rachar quando está pronta. Sirva com geléia de frutas vermelhas, ou com goiabada derretida, maracujá ou com tudo que sua imaginação permitir....





segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Pão recheado



Mais uma receita daquele livro de Muzambinho.... Receita muito fácil, muito rápida, muito boa! O pão fica fofinho, rende muito, e você pode variar até mesmo com recheio doce, pois a massa é muito neutra e saborosa. Vejá lá:

Ingredientes (para 3 pães):
2 e 1/2 xícaras de leite morno
2 tabletes (30g) de fermento biológico
6 colheres (sopa) de óleo de milho
3 colheres (sopa) de margarina
1 colher (sobremesa) de sal
1 colher (sobremesa) de açúcar
1 ovo
quase 1 kg de farinha de trigo


Modo de preparo:
Dissolva o fermento no leite morno e acrescente o óleo, a margarina, o sal, o açúcar e o ovo, mexendo bem até misturar tudo. Vá adicionando a farinha os poucos até a massa quase desgrudar das mãos (eu digo quase, pois a massa tem que ficar levemente úmida, ainda grudando um pouquinho). O "quase" 1 kg de farinha é devido à essa consistência grudenta da massa. Acho que sobrou 3/4 de xícara do pacote de 1kg. Essa receita é muito fácil pois não é necessário esperar a massa crescer. Assim que estiver no ponto, simplesmente abra a massa em uma superfície com farinha e um pouco de óleo nas mãos e recheie à vontade. Eu dividi a massa em 3 partes e recheei cada uma de um jeito: carne moída com queijo, calabresa com queijo e escarola com queijo (todos os restinho que eu tinha na geladeira rsrs).

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Bolo de fubá cozido


Quando eu era criança adorava ficar sentada no chão da cozinha folheando os livros de receitas da minha mãe que ficavam guardados na última gaveta. O máximo que saia daquilo era um brigadeirão de microondas bem fácil. Mas um dia destes, saudosa de me sentar no chão da cozinha da minha mãe, descobri um livro de receitas de Muzambinho, cidade natal de meus pais, no sul de Minas. Um livro bem mal editado, com diversos erros, porém com receitas que valem ouro. Uma delas, que me chamou a atenção (pois nunca acertei fazer) foi um bolo de fubá cozido. Nunca mais tento outra receita! Esta deixa o bolo úmido, com um aroma de fazenda e de casa de vó, que só fazendo pra ver..... Sem mais delongas, lá vai:


Ingredientes:
2 xícaras de leite
2 xícaras de açúcar
2 xícaras de fubá pré cozido
1/2 xícara de óleo de milho
4 gemas
4 claras em neve
1 colher (sopa) de fermento em pó
sementes de erva doce a vontade (usei 1 colher (sopa) bem cheia)

Modo de preparo:
Em uma panela misture o leite, o fubá, o açúcar e o óleo e leve ao fogo baixo até engrossar. Espere esfriar bem e misture as gemas até incorporar bem, as sementes de erva doce, o fermento em pó e por último as claras em neve delicadamente. Leve ao forno pré aquecido a 210oC por aproximadamente 40 minutos.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Apple Crumble


Difícil decidir 'qual a minha sobremesa preferida? Posso dizer que são algumas preferidas, não uma só. Tudo depende do que eu tenho na geladeira, do meu humor (TPM=chocolate ou Ansiosa=todo os doces mais doces que existe) entre outros fatores. Atualmente estou ligeiramente 'light'; deve ser por conta do verão chegando e da minha imagem de biquini no espelho não ser das mais agradáveis. Mas enfim, já faz dois fins de semana seguidos que eu faço apple crumble, e não que seja das sobremesas mais lights do mundo, mas dependendo dos ingredientes, pode-se reduzir muito as calorias sem perder sabor e sem ganhar muita culpa.

Ingredientes (para 15 porções):
15 maçãs Gala médias sem casca e cortadas em fatias
suco de 1/2 limão
2 xícaras de farinha de trigo
3/4 xícara de manteiga (pode subsituir por margarina light)
1 xícara de açúcar (pode usar açúcar mascavo ou açúcar light (diminuindo a quantidade pela metade))

Calda:
3 xícaras de leite desnatado
1 colher (sopa) de amido de milho
1 lata de leite condensado (pode usar o light)


Modo de preparo:
Apple Crumble: Coloque as maçãs em uma panela com o suco de limão e deixe murxar, mas não muito para não virar um purê. Coloque sobre um refratário. Misture com as mãos a farinha, o açúcar e a manteiga até virar uma farofa úmida (quando apertar com as mãos ela mantem a forma). Por cima das maçãs jogue esta farofa e leve ao forno a 180oC até a superfície ficar bem dourada.
Calda: Dissolva o amido no leite e leve ao fogo para engrossar. Quando estiver pronto despeje o leite condensado e mexa bem. Sirva com a apple crumble.
Sugestão: apple quente X calda gelada ou apple gelada X calda quente (meu preferido!)

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Brigadeirão


Esta receita definitivamente é pra minha irmãzinha amada, que adora coisa fácil, simples, e que, como ela mesma diz, 'que não precise ralar mandioca'.
Maridão chegou em casa, almoçou e fez a pergunta clássica: 'tem um docinho aí?'. E por incrível que pareça a resposta foi 'não'. Ô dó! Fui eu bater um brigadeirão ridículo de fácil que ficou pronto em exatos 7 minutos. Tudo bem que ele comeu quente mesmo, mas adoçou a vida!


Ingredientes:
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite sem soro
1 xícara de chocolate em pó
1 colher (sopa) de manteiga
3 ovos

Modo de preparo:
Bater tudo no liquidificador e levar ao microondas em um a forma para pudim de vidro ou silicone por 7 minutos. Resfriar, desenformar e jogar granulados por cima. Só isso!

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Bolo de caneca



Sabe aquele cheirinho gostoso de café com leite de manhã? Então, esse cheiro pede duas coisas: uma torradinha com manteiga e um bolo quentinho saído do forno. Mas quem é que acorda uma hora mais cedo pra preparar um bolo pro café da manhã? EU! Mas na verdade acordei no mesmo horário de sempre e resolvi meu problema com um bolinho de caneca, simples, que foi dividido em quatro pra não pesar depois, rápido e matador de vontades. Vejá lá:

Ingredientes:
1 ovo
3 colheres (sopa) de açúcar
4 colheres (sopa) de leite
2 colheres (sopa) de óleo
3 colheres (sopa) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de chocolate em pó
1/2 colher (chá) de fermento em pó

Modo de preparo:
Bata com um fouet ou garfo o ovo, o óleo e o leite dentro de uma caneca alta. Acrecente os secos e misture bem para não ficar grumos. Leve ao microondas em potência máxima por 3 minutos. Enjoy it! Mais simples impossível.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Pudim de mandioca



Para acabar com a fase "sem criatividade na cozinha", resolvi pegar aquela mandioca linda que estava na geladeira e não fritá-la, nem tranformá-la em escondidinho. Fiz um pudim, adaptado do nosso pudim de leite de cada dia. Posso dizer com um pouco de orgulho que ficou maaraaviilhoosoooo!!!

Ingredientes:
2 xícaras de leite
3 ovos
1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) de manteiga
2 xícaras de mandioca ralada
1/2 xícara de coco ralado
200 g de açúcar para caramelar a forma

Modo de preparo:
Caramelize uma forma pequena, ou de pudim com o açúcar e reserve. Bata no liquidificador o leite, os ovos, o leite condensado e a manteiga. Misture a mandioca e o coco ralado e despeje na forma caramelada. Asse em banho maria, em forno pré aquecido a 200oC por 1 hora ou até enfiar um palito de dente no meio e ele sair limpo. Espere esfriar bem e desenforme. Nhami...